Terça, 01 de Dezembro de 2020 20:24
(11) 99349-8698
Semana

Semana Nacional do Trânsito 2017 – motociclistas em perigo!

Semana Nacional do Trânsito 2017 – motociclistas em perigo!

28/09/2017 17h23 Atualizada há 3 anos
10
Por: murillo

Entra ano sai ano, o governo federal junto com instituições que atuam no setor duas rodas, tentam em discussões intermináveis encontrar soluções para diminuir acidentes que envolvem motos, porém, tudo muito bonito no discurso, mas nas ruas, os motociclistas por falta de políticas públicas para eles têm pago um preço muito alto por isso: a própria vida.

Semana Nacional do Transito-06Setembro é o mês que o Brasil discute sobre o trânsito, suas consequências, problemas, como minimizar os acidentes, promover conscientização etc. Escolas públicas, faculdades, Ongs, instituições diversas, especialistas e mais um incontável número de “entendidos” passam uma semana inteira debruçados sobre o tema, mas na prática pouco tem se notado de melhorias e diminuição de óbitos entre os motociclistas, pelo contrário, pesquisa do Infosiga publicada esse mês mostrou aumento de mortos nas vias públicas em acidentes motociclísticos. Semana Nacional do Transito-07 Esse ano, o Ministério das Cidades / Contran / Denatran programou uma séria de atividades, mas para saber se deu certo, só nas próximas estatísticas. Para se ter uma ideia, batizou a campanha desse ano de “Minha escolha faz a diferença no trânsito”.  Com esse tema guarda-chuva, o Contran estabeleceu as mensagens e cronograma de ações das campanhas de educação para o trânsito em 2017.

Semana Nacional do Transito-01Seguindo o cronograma anual, o Denatran ainda orientou para a realização de campanhas na volta ás aulas, conscientização sobre o uso de motocicletas e ciclomotores, respeito aos pedestres e ciclistas, uso de celular e consumo de álcool. Os destaques da programação foram o Maio amarelo, Dia Mundial às Vítimas do Trânsito e a própria Semana Nacional de Trânsito. A escolha do tema desse ano possibilitou ações em todos os setores, como o dos ciclistas, motociclistas, pedestres passageiros e condutores. Nas mídias sociais, a sugestão foi utilizar a frase “Eu escolho curtir um trânsito seguro” e a hashtag #euescolhoviver.

Para minimizar os acidentes, de Janeiro a Fevereiro a campanha foi Ações de apoio à Campanha Rodovida do Governo Federal; em Março, a Campanha de volta às aulas; em Abril realizou-se a Campanha de conscientização sobre o uso de motocicletas e ciclomotores. Já em Maio seguiu com Ações de apoio ao Maio Amarelo, campanha da sociedade por um trânsito seguro; em Junho a Campanha de conscientização sobre o respeito ao pedestre e ciclista; tendo no mês de Julho a Campanha de orientação para as férias escolares; em Agosto a Campanha de conscientização sobre uso do celular ao volante e Setembro a Campanha da Semana Nacional de Trânsito (18 a 25 de setembro de 2017). Outubro – vai de Campanha de conscientização sobre consumo de álcool e direção; em Novembro a Campanha do Dia Mundial em Memória às Vítimas do Trânsito: fechando o ciclo em Dezembro com Ações de apoio à Campanha Rodovida do Governo Federal. Semana Nacional do Transito-03

Entre uma Semana Nacional de Trânsito e outra, motociclista não tem muito o que comemorar

Semana Nacional do Transito-05Percebe-se aumento de arrecadação com IPVAs, impostos em vendas de motos, radares cada vez mais modernos implantados e multando em vez de educar, multas que aparecem cada vez mais e, as mortes, que continuam subindo. Prova da ineficiência dos governos em mudar essa situação. Se não bastasse isso, nosso modelo de permissão para tirar CNH para pilotar moto para pilotar é o mesmo há décadas e as pessoas continuam se preparando apenas para passar no teste e não para agir consciente o trânsito. O governo sabe dos riscos que o motoboy enfrenta, tanto que aprovou o pagamento da periculosidade, mas só.

FOTO 1 cópiaNo entendimento de especialistas, outras situações deveriam ser criadas para que os motociclistas pudessem investir em segurança própria, por exemplo. Isentar equipamentos básicos de segurança como capacetes e peças das motocicletas dos impostos baixaria o valor e criaria uma cultura de troca em tempo menor. Realizar estudos sérios em favor das motofaixas e que, ao serem criadas fossem incorporadas integralmente a outros modais de transportes para maximizar os efeitos de segurança. Campanhas de comunicação especificamente para motociclistas divulgando o que é certo e legal.

Post_Face_01111Outra opção para aumento da segurança seria a formação de uma força tarefa entre concessionárias e montadoras de motocicletas, sindicatos e associações realizarem treinamentos de qualificação para pilotagem e campanhas de manutenção preventiva para reduzir o número de acidentes. A sociedade civil também deveria ser chamada para esse grande esforço em prol da segurança.

O Brasil, assim como vários outros países, faz parte da “Década de Ação para o Trânsito Seguro”, programa estabelecido pela ONU que visa provocar nos governos ações que resultem em proteção de vidas no trânsito. Que a Semana Nacional do Trânsito deixe de ser apenas um movimento elitista e tenha força, crie ações que resultem em menos mortes e que fato seja progresso, não retrocesso.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
São Paulo - SP
Atualizado às 20h12 - Fonte: Climatempo
20°
Céu encoberto

Mín. 20° Máx. 29°

20° Sensação
22 km/h Vento
88% Umidade do ar
90% (25mm) Chance de chuva
Amanhã (02/12)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 29°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Quinta (03/12)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 21° Máx. 32°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Anúncio
Mais lidas
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio